Como ser associado

A Associação Portuguesa de Fertilidade deve o seu funcionamento ao voluntariado de algumas dezenas de cidadãos. A concretização dos vários projectos depende da generosidade dos seus associados e, a inscrição como associado, cuja quota mínima é 30€ por ano, constitui um gesto de solidariedade, orientado exclusivamente para o apoio, informação e defesa das pessoas com problemas de fertilidade, tal como consta no elenco dos nossos objectivos prioritários.